Juro do cartão chega a 290% ao ano é o maior desde 1999, mostra Anefac
Publicado em 09/04/2015

Está ficando cada vez mais caro fazer um empréstimo: as taxas de juros cobradas dos consumidores nas operações de crédito subiram pelo sexto mês seguido em março, segundo a Associação Nacional dos Executivos de Finanças (Anefac). A taxa média passou de 115,32% ao ano em fevereiro para 118% em março.

Para quem usa o crédito rotativo do cartão de crédito, a taxa chegou a astronômicos 290,43% ao ano – a maior desde abril de 1999, quando estava em 295,48%. Em fevereiro, os juros eram de 276%.

Os juros do cheque especial também subiram e quebraram a "barreira" dos 200%: a taxa, que era de 195,2% ao ano em fevereiro, chegou a 201,74%, a maior desde junho de 2003.

Financiar um carro também ficou mais caro no mês passado. A taxa passou de 26,68% ao ano para 26,97% em março, a maior desde dezembro de 2011.

As demais modalidades de financiamento também tiveram alta em suas taxas de juros. No empréstimo pessoal em bancos, a taxa ao ano subiu de 58,27% para 59%. Em financeiras, a taxa do crédito pessoal passou de 138,18% para 138,71%. No comércio, passou de 81,65% para 82,48%.

Voltar para Notícias